Home  >  Plataformas

Embratel e Gemalto unem forças para carros conectados

Motoristas poderão adotar novos serviços a qualquer momento, sem a necessidade de alterar o cartão SIM em seu veículo

Da Redação

16/03/2018 às 10h28

connected_car.jpg
Foto:

Gemalto e Embratel anunciam novas soluções seguras de On Demand Connectivity (ODC) e eSIM para permitir atualizações remotas nos carros conectados, por meio de redes celulares, durante toda a vida útil dos veículos.

Pela primeira vez na América Latina, motoristas podem adotar novos serviços a qualquer momento, sem a necessidade de alterar o cartão SIM em seu veículo. Segundo as empresas, a tecnologia fornece acesso imediato aos serviços móveis emergentes, tais como navegação avançada, atualização em tempo real do tráfego e conveniências nas proximidades, diagnósticos do veículo, serviços de emergência e muito mais.

As companhias estão de olho no mercado de tecnologia para carros conectados, que já está se expandindo rapidamente na América Latina, onde a penetração deverá quase que quadruplicar em quatro anos, passando de 3,3% em 2017 para 12,5% em 2021, segundo estudo da Statista.

A solução ODC da Gemalto soluciona o problema de provisionamento, de forma rápida e segura, do serviço sem fio da Embratel e atualiza remotamente assinaturas durante a vida útil do veículo, mesmo quando o carro muda de dono. Para as fabricantes de equipamentos originais (OEM) mundiais, a solução da Gemalto simplifica a fabricação e a logística, permitindo a integração de um único e universal eSIM em todos os veículos, que pode ser atualizado de forma segura para qualquer operadora móvel local.

Ney Acyr Rodrigues, Diretor de Negócios de IoT da Embratel, explica que a solução On Demand Connectivity da Gemalto é a primeira no mundo a receber certificação da GSMA e foi a escolha preferencial da Embratel para resolver os desafios de gerenciamento de conectividade e ajudar a impulsionar a expansão dos novos serviços móveis e de carro conectado em toda a região. "Com a solução da Gemalto, a Embratel pode oferecer uma solução flexível e mais segura aos nossos valiosos clientes automotivos, permitindo-nos obter novos tipos de receitas conforme passamos da condição de operadora móvel para prestadora de serviços de mobilidade", comenta.

Já Daniel Cuellar, Vice-Presidente para Móvel e IoT, América Latina, Gemalto, destaca que a indústria automotiva está se reinventando por meio da revolução digital. "Nossa tecnologia eSIM combinada com a plataforma de conectividade possibilita serviços sob demanda, identificação segura do condutor e personalização do veículo. Para as OEMs, ela cria uma excelente oportunidade, ao mesmo tempo em que simplifica significativamente a logística e melhora a eficiência das atualizações de serviços e gerenciamento da vida útil", diz.

Deixe uma resposta