Home  >  Inovação

Apenas 29% das empresas brasileiras conhecem IIoT

Guilherme Borini

02/02/2018 às 8h33

Indústria 4.0
Foto:

A chamada Quarta Revolução Industrial, também conhecida como Indústria 4.0, parece estar longe de ser realidade no Brasil. Estudo da Associação Brasileira de Internet Industrial (ABII), realizado com 84 indústrias manufatureiras, mostra que 65% delas não possuem nenhum programa de IIoT (internet industrial das coisas) em andamento e apenas 29% conhecem a tecnologia e como ela pode aumentar a competividade da indústria.

O estudo aponta também que 45% não têm intenção de implementar algum projeto de IIoT, e 35% das empresas ainda desenvolvem projetos internos de apresentação da IIoT ou automatização de máquinas.

No Brasil, o mercado de IIoT movimentou US$ 1,35 bilhão em 2016, sendo a indústria automotiva e as verticais de manufatura as mais relevantes, de acordo com estudo da Frost & Sullivan. No entanto, poucos fabricantes estão prontos para essa transformação, e o ritmo em que eles progridem em direção à produção inteligente pode variar muito.

Desafios

Quando questionados sobre os desafios para a implementação de projetos de IIoT, os entrevistados – sendo 63% em posição de gerência e diretoria - destacaram a dificuldade de comprovação de ROI e a cultura conservadora como os principais entraves. Estes dois obstáculos juntos representam mais de 41% das respostas obtidas. 

Intenção

Porém, quando perguntados sobre a intenção de implementar uma arquitetura de IIoT em sua operação, 48% disseram que não possuem nenhum projeto para o momento atual, mas o desejo de implementar a tecnologia ainda neste ano é de 19% dos entrevistados e sobe para 23% para 2018.

visao.jpg

É possível observar ainda que, embora seja necessário trabalhar mais na difusão do conceito de internet industrial para que se concretize nas empresas, 51% das organizações estão interessadas no assunto e possuem planos para desenvolver projetos de IIoT.

José Rizzo Hahn, presidente da ABII, destaca que já estamos na era da Internet Industrial, que une análise computacional, máquinas inteligentes e processos avançados às pessoas, tudo conectado entre si. Para ele, o desafio do Brasil é transpor os obstáculos que aceleram essa implementação.

"A pesquisa mostra claramente que a IIoT vem ganhando força no mercado. No entanto, o país ainda não está totalmente preparado para os impactos das transformações. As empresas, aos poucos, estão otimizando seus processos e buscam alcançar maior eficiência com as tecnologias disponíveis", comenta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *