Home  >  Inovação

Investimentos em soluções de blockchain chegarão a US$ 2,1 bi em 2018

Valor representa mais do que o dobro registrado no último ano. Em 2021, gastos mundiais serão de US$ 9,2 bi

Da Redação

26/01/2018 às 11h12

blockchain
Foto:

Os gastos mundiais em soluções de blockchain chegarão a US$ 2,1 bilhões em 2018, número mais do que o dobro maior que os US$ 945 minhões registrados em 2017, segundo dados da IDC.

E o crescimento não vai parar por aqui. A previsão é que os investimentos com blockchian cresçam em ritmo acelerado até 2021, com taxa de crescimento anual composta de 81,2%, chegando a US$ 9,2 bilhões em 2021.

Bill Fearnley Jr, diretor de pesquisa da Worldwide Blockchain Strategies, comenta que o interesse e o investimento em blockchain e na tecnologia de contabilidade distribuída está se acelerando à medida que as empresas agregam dados em livros de cadeias de blocos seguros, sequenciais e imutáveis, transformando seus negócios e operações. "Muitos fornecedores de tecnologia e prestadores de serviços estão colaborando e trabalhando com consórcios como a Enterprise Ethereum Alliance e Hyperledger Projects para desenvolver soluções inovadoras que melhorem processos como processamento pós-negociação e rastreamento de embarques na cadeia de suprimentos e registros de transações para auditoria e conformidade. Além disso, vários reguladores e bancos centrais fizeram comentários positivos sobre blockchain, e isso ajudará a acelerar a demanda em setores regulados, como serviços financeiros e serviços de saúde", afirma.

EUA à frente

Os EUA terão os maiores investimentos, com mais de 40% dos gastos mundiais ao longo da previsão. A Europa Ocidental será a próxima maior região para os gastos com blockchain, seguida da China e da Ásia/Pacífico (excluindo o Japão e a China).

Setor financeiro na vanguarda

Os gastos com blockchain serão liderados pelo setor financeiro (US$ 754 milhões em 2018), impulsionado principalmente pela rápida adoção em bancos. O setor de distribuição e serviços (US$ 510 milhões em 2018) terá fortes investimentos nas indústrias de varejo e serviços profissionais, enquanto o setor de produção e recursos (US$ 448 milhões em 2018) será conduzido pelas indústrias de manufatura discreta e de processos.

"Há uma grande variedade de novos casos de uso potencial para blockchain, pois as transações e os registros são a força vital de quase todas as organizações. No entanto, estamos vendo os gastos iniciais do blockchain para transformar os processos existentes altamente manuais e ineficientes, como os pagamentos transfronteiriços, a proveniência e acordos de transações pós-venda. Estas são áreas de dor existente para muitas empresas e, portanto, blockchain apresenta uma proposta de valor atrativa ", explica Jessica Goepfert, diretora do programa Customer Insights and Analysis na IDC.

Tags

1 Trackback

Deixe uma resposta