Home  >  Inovação

Totvs lança plataforma de inteligência artificial para mercados verticais

Batizada como Carol, a plataforma utiliza machine learning para oferecer aos clientes insights sobre negócios e gestão de suas empresas

Da Redação

13/06/2017 às 17h29

laercio_cosentino_.jpg
Foto:

A Totvs anunciou nesta terça-feira, 13, a entrada no mercado de inteligência artificial e machine learning com o lançamento da plataforma Carol, que trabalha com análise e inteligência de dados e vai oferecer insights sobre negócios e gestão para os clientes segmentados por verticais econômicas.

O lançamento da plataforma marca, segundo Laércio Cosentino, CEO da Totvs, a segunda metade da jornada de quatro anos de transformação digital da companhia, que teve início em junho de 2015. No cenário corporativo, diz Cosentino, "saímos de um baixo volume de informações para um grande volume de dados, gerando a necessidade de analisar essas informaçoes e prever o comportamento do consumidor. Essa é a verdadeira jornada da transformaçao digital das empresas".

“Não acreditamos em soluções genéricas. Por isso, temos cientistas de dados atuando juntamente a cada um dos segmentos da TOTVS com objetivo de desenvolver soluções verticalizadas powered by Carol e, assim, resolver os problemas de cada setor dos nossos clientes”, reforça Cosentino. 

Carol foi desenvolvida pelo Totvs Labs, laboratório de inovação da companhia no Vale do Silício, EUA, com a ajuda de uma equipe de cientistas de dados e engenheiros de inteligência artificial com passagens em grandes empresas de outros setores, como aviação e educação. 

Ela utiliza técnicas de deep learning, algoritmos genéticos, redes neurais e reconhecimento de linguagem natural, que utiliza com forma de se comunicar com os clientes, funcionando como uma assistente virtual, respondendo perguntas e oferecendo insights de negócios por meio de voz ou texto.

Inteligência preditiva

O foco da Carol é garantir o máximo de inteligência sobre o consumidor para as diferentes verticais econômicas, oferecendo insights preditivos para a tomada de decisão sobre gestão ou negócios. Para isso, a tecnologia trabalha analisando de forma combinada dados proprietários das empresas clientes, dos dados gerados pelos consumidores, clientes dos clientes, e dados de diferentes fontes de mercado.

Carol está em fase de aprendizado e deverá ganhar corpo até o final do ano, na medida em que vai agregando mais dados gerados por clientes e aprendendo mais com eles. Ela então terá precificações mais definidas para seu uso. Mas mesmo nessa fase, a plataforma já está em teste em cerca de 40 empresas clientes da Totvs.

Cosentino diz que as empresas clientes que utilizam a plataforma Carol continuam sendo donas dos seus dados. Há duas formas de trabalhar com a plataforma: abrindo seus dados e permitindo que eles sejam incorporados a um pool de dados de empresas do mesmo segmento, que depois acabam sendo benificiadas pelos insights comuns, sem conhecer os dados específicos umas das outras; ou manter os dados apenas para si, acessando o serviço de insights para seu negócio.

IA e IoT

Uma das aplicações powered by Carol utiliza dados coletados em empresas de varejo de micro e pequeno portes pela plataforma de dispositivos inteligentes e IoT da Bematech, empresa do grupo Totvs. Ela utiliza os dados capturados pela Bemacash, solução única para ponto de venda voltada aos micro e pequenos varejos para entender o comportamento dos consumidores e ajudar as empresas a tomar decisões sobre produtos e práticas de venda.

A plataforma processa milhões de recibos de venda de produtos e é capaz de sanear e qualificar esses dados, podendo entender a diferença de comportamento de venda e consumo de cada um. Usando o engine de Machine Learning para mastigar os dados, ela permite aos empresários entender como eles estão se saindo no seu segmento em comparação aos concorrentes da região, qual a previsão de vendas baseada em eventos externos, como clima e feriados, e até planejar uma expansão.

Insights para educação

Outra aplicação já em atividade usa a plataforma Carol para criar cenários de retenção de alunos. Em parceria com uma grande universidade privada de São Paulo, a plataforma reúne informações de professores, alunos, notas e histórico escolar que, combinados com fontes externas, ajudam a identificar tendências de evasão escolar.

Carol usa esses algoritimos para saber quantos alunos correm o risco de abandonar a universidade ou um curso específico e qual seria o impacto financeiro dessa evasão. Além disto, ela também apresenta quais alunos têm risco de evadir e por qual motivo. O engine de machine learning recomenda também quais ações devem ser tomadas para que o aluno não cancele o seu curso.

Nos próximos dois anos, a jornada de evolução da plataforma Carol vai seguir paralela a jornada de transformação digital da própria Totvs e seus clientes, explica Cosentino. Na medida em que mais clientes migram para as novas ferramentas e plataformas da companhia, Carol continuará sendo enriquecida para ser disponibilizada em definitivo ao mercado, até o final do ano, com mais habilidades e para diversos segmentos.

Deixe uma resposta