Home  >  Inovação

Fornecedores corporativos preparam seus softwares para o Apple Watch

Microsoft é um dos provedores que ajustou apps empresariais para o relógio inteligente da Apple

IDG News Service

23/04/2015 às 17h49

apple-watch.png
Foto:

A indústria de tecnologia aposta que o Apple Watch terá espaço no ambiente corporativo. Provedores de softwares empresariais já revelaram planos de entregar aplicativos que rodarão no smartwatch, que será apresentado na sexta-feira (24/04).

Enquanto muitos apps carregarão funcionalidades já vistas em suas versões para iPhone, há uma sensação de que o dispositivo vestível será mais focado na facilidade de obtenção de informações em comparação a um smartphone.

A Blue Jean Networks criou uma ferramenta que lembra pessoas de reuniões e compromissos que estão em suas agendas. O sistema, que trabalha integrado ao serviço de videoconferência ofertado pela provedora, foi desenhado especificamente para o relógio.

A solução, por exemplo, tem um cronômetro que indica quanto tempo falta para começar o compromisso. Como grande parte dos aplicativos para o Apple Watch, a tecnologia deve ser pareada ao iPhone para funcionar.

A provedora de sistemas de gestão de dispositivos móveis Good Technology também desenvolveu uma solução para o relógio da Apple. No caso, uma ferramenta que traz recursos de colaboração.

Com o app, as pessoas podem receber e-mails e notificações de calendário permitindo que administradores de TI controlem que tipo de informações serão mostradas nos visores do dispositivo. Por exemplo: o aparelho pode ser programado para mostrar apenas o remetente e o título da mensagem. 

A Microsoft, que tem sua própria estratégia para wearables, está desenvolvendo aplicativos para o Apple Watch. Há alguns dias, a gigante atualizou algumas de suas ferramentas corporativas que rodam no iOS. Nesse sentido, ganharam funcionalidades e adaptações sistemas como o OneNote e OneDrive.

A lista de provedores de sistemas corporativos interessados no relógio da Apple inclui nomes como Salesforce, que já manifestou interesse no dispositivo em março.

Trabalhadores demonstram receptividade quanto ao uso de tecnologias vestíveis dentro das empresas. De acordo uma pesquisa do provedor de sistemas de gestão de dispositivos móveis, 94% de um total de 3,5 mil profissionais entrevistados concordariam usar essas ferramentas em suas funções.

Segundo o estudo, 58% dos respondentes usariam esses aparelhos para ler e-mails ou fazer chamadas telefônicas. Outras tarefas desejadas incluem envio de mensagens (46%), recebimento de alertas (43%), acesso a calendários (39%) e leitura de documentos (37%).

Deixe uma resposta