Home  >  Carreira

Chegam ao Brasil novos treinamentos para profissionais de segurança

Um deles é o para a certificação de PCI, exigida pelas administradoras de cartão de crédito o outro é o curso online para o passaporte CompuTia Security+.

Edileuza Soares

01/11/2012 às 8h30

Foto:

A onda da consumerização com a disseminação dos dispositivos móveis no ambiente corporativo, popularização das aplicações de nuvem e rede sociais aumentaram os riscos de ataques cibernéticos e também a procura pelos profissionais de segurança da informação.

Esses especialistas estão em alta no Brasil, assim como os demais profissionais de TI por causa do déficit de mão de obra qualificada em diversas áreas no País. Há oportunidades de empregos para esses talentos em diversos segmentos da economia. Para os que querem fazer carreira nessa área ou dar um upgrade no currículo, estão chegando ao Brasil novos treinamentos para obtenção de certificações reconhecidas do mercado internacional.

As certificações são consideradas uma credencial importante para os que querem se tornar experts em segurança da informação. Elas são uma espécie de selo de qualidade para profissionais do setor, pois atestam o conhecimento, atitudes e comprovam que os especialistas passaram por testes rigorosos. Esses passaportes são pré-requisito e muito valorizados pelas empresas na hora da contratação.

Muitas dessas credenciais são emitidas por organizações internacionais e não estão ligadas a nenhuma tecnologia. Algumas são aceitas no mercado global. Entre as mais mais famosas estão a Certified Information Security Manager (CISM) e Certified Information Systems Auditor (CISA), emitidas pela Information Systems Audit And Control Association (Isaca), entidade internacional que congrega profissionais de segurança.

Outro selo muito valorizado é a Certified Information Systems Security Professional (CISSP), que é uma das mais respeitada no mundo, expedida pelo International Information Systems Security Certification Consortium (ISC²).

Há outras certificações mais populares no mercado para os que querem atuar como defensores da segurança corporativa tanto na área técnica quanto de gestão. Confira a seguir dois programas de treinamentos para selos internacionais que começam a ser oferecidos no Pais.

Cerificação PCI

O Payment Card Industry (PCI) é um padrão mundial de segurança de dados para a indústria de cartão de crédito para orientar as entidades que processam pagamentos com o dinheiro de plástico no combate a fraude. O padrão foi criado pelas principais administradoras de cartão de crédito e seus requisitos têm que ser adotados pelos estabelecimentos que realizam grandes volumes de transações com cartão de crédito.

Essa exigência passou a demandar por talentos credenciados em PCI, pois as empresas precisam validar seus status de conformidade anualmente com relatórios conduzidos por auditores qualificados pelo PCI Council, organismo global de padrões de segurança de dados que emite essa certificação.

Até agora os brasileiros que precisam ter esse passaporte tinham que recorrer ao treinamento do PCI Council nos Estados Unidos. Uma parceria foi fechada entre a entidade e a Antebellum, empresa brasileira especializada em cursos de segurança da informação, para ministrar no Brasil o programa preparatório para credenciamento PCI em português.

Fernando Fonseca, diretor da Antebellum, informa que a empresa é a primeira do mercado mundial a ser autorizada pelo PCI Council para ter esse programa em língua estrangeira fora dos Estados Unidos. "A principal vantagem é que as pessoas vão poupar tempo e dinheiro em viagens internacionais", destaca  o executivo.

A certificação PCI é voltada apenas para auditores que trabalham em empresas que precisam de profissionais credenciados pelo PCI Council. Os candidatos precisam enviar uma ficha de inscrição para a instituição nos Estados Unidos, assinada pela sua empresa e serem aprovados.

A primeira turma do curso de Assessoria de Segurança Interna do Conselho da PCI, que já está fechada, acontecerá no Brasil entre 12 e 13 de novembro em São Paulo, com duração de 16 horas. As aulas vão ensinar os alunos como avaliar a conformidade do ambiente de suas empresas de acordo com o PCI e proteger os dados dos clientes que pagam com cartão de crédito, evitando riscos empresariais.

O investimento é de 5.450 reais. Depois que passarem pelas aulas, os candidatos vão buscar a certificação pelos institutos que aplicam as provas online. Fonseca informa que a primeira turma atraiu cerca de 20 auditores. A partir do próximo ano, ele pretende levar esse programa para outras regiões do Brasil por meio de parcerias com outras empresas que ministram treinamento.

Curso online para CompTIA Securtity+

Outro treinamento que começa a ser oferecido no Brasil é o curso online para obtenção da certificação CompTIA Security+, emitida pela CompuTia, uma  organização internacional, fornecedora certificação para profissionais de segurança da informação que vão trabalhar na área técnica.

Já é possível encontrar cursos preparatórios para essa certificação no Brasil, porém com cursos apenas presenciais. O programa online será ministrado pelo consultor Yuri Diogenes, coautor do livro Certificação CompTIA Security+, que atualmente trabalha para a Microsoft nos Estados Unidos.

O programa online está sendo trazido ao Brasil pela empresa Clavis Segurança da Informação. O treinamento será feito em dez sábados, a partir do dia 9 de março de 2013 e custará 2.088 reais. As aulas serão ao vivo, mas serão arquivadas para que o aluno possa assistir depois.

Bruno Salgado, diretor executivo da Clavis, informa que uma das vantagens do curso online é que pessoas de qualquer lugar do Brasil vão poder fazer as aulas preparatórias aos sábados para obter a certificação CompTia Securtiy+. Segundo ele, esse título é bastante valorizado no mercado, pois atesta que os profissionais têm conhecimento em segurança de rede, vulnerabilidades de aplicações e criptografia.

O executivo destaca que esse tipo de certificação é mais voltado para técnicos que já atuam na área de TI e querem atuar na área de segurança da informação ou para os que trabalham no setor e precisam se aprimorar na carreira.

De acordo com Salgado, a CompuTia Securtiy+ e Certified Ethical Hacker (CEH) estão atualmente entre as principais certificações para capacitação de técnicos em segurança da informação. Ele observa que esses talentos estão sendo muito requisitados pelas companhias, principalmente para realizar testes de invasão e análises de riscos contra ameaças.

"A certificação é um diferencial e ajuda a valorizar o profissional no mercado", diz Salgado, afirmando que os credenciados têm a chance de conseguirem empregos melhores e aumentos de salários entre 10 a 15% por terem algo a mais para atestar conhecimento em determinada área.

Deixe uma resposta