Home  >  Negócios

Level 3 anuncia compra da Global Crossing por US$ 3 bilhões

Transação anunciada nesta segunda-feira (11/4) dará origem a uma empresa com instalações de rede em 50 países e receita combinada de US$ 6 bilhões.

IDG News Service

11/04/2011 às 12h29

Foto:

A provedora de infraestrutura de comunicações Level 3
anunciou a compra da Global Crossing, que fornece serviços de redes IP e
Ethernet e gerencia data centers, em uma transação baseada na  troca de ações.

A Level 3 pagará cerca de 3 bilhões de dólares pela Global Crossing,
mas também assumirá uma dívida de cerca de 1,1 bilhão de dólares, afirmaram as
duas empresas, em comunicado.

A empresa resultante da fusão será responsável por
instalações de rede em 50 países e terá receita combinada de mais de 6 bilhões
de dólares.

Na América Latina, a Global Crossing tem 15 redes metropolitanas
e 15 data centers, três deles no Brasil – em Cotia (SP), no Rio de Janeiro e em
Curitiba (PR). A empresa também opera no país um backbone de rede terrestre que
atende a diversas cidades, incluindo São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre (RS), Curitiba (PR), Londrina
(PR), Campinas (SP), Belo Horizonte (MG), Brasília
(DF), Recife (PE), Salvador (BA) e Fortaleza (CE).

"Sem paralelo"
A compra vai criar uma empresa global de comunicações “sem
paralelo”, afirmou Jim Crowe, CEO da Level 3. Essa empresa terá acesso a
mercados internacionais de rápido crescimento, e terá uma oferta equilibrada de
serviços de telecom e banda larga, afirmou o CEO em encontro com jornalistas.

Os benefícios do acordo são “claros e poderosos”,
acrescentou. As redes IP da empresa vão oferecer serviços para 70 países e
serão capazes de reduzir custos da ordem de 300 milhões de dólares por ano,
disseram representantes das empresas.

Além disso, a empresa vai oferecer serviços “extensivos” com
foco em grandes clientes, incluindo soluções de transporte, dados e IP; entrega
de conteúdo; data center, colocation e serviços de voz.

A Global Crossing vai contribuir com a oferta de serviços da
Level 3 por meio de serviços gerenciados, de colaboração e redes virtuais
privadas intercontinentais.

Alcance global
Os serviços da Level 3 são oferecidos principalmente no
mercado dos Estados Unidos, enquanto a Global Crossing tem como alvo Europa,
Japão e outros mercados.

“Este tipo de combinação tem sido alvo de conversas há anos”,
disse John Legere, CEO da Global Crossing. “Nós tentamos juntar as empresas
diversas vezes nos últimos anos.”

aquisição

O acordo vai criar uma empresa “extremamente bem posicionada”,
acrescentou Legere. A aquisição vai dar à empresa uma escala maior, mais
recursos e um portfólio mais amplo de serviços, afirmou.

As empresas esperam concluir o acordo até o fim do ano. A
aquisição está sujeita a aprovação regulatória e deverá passar por análise pelo
Departamento de Justiça e pela Comissão Federal de Comunicações dos EUA.