Home  >  Carreira

Três perguntas a fazer antes de aceitar um novo emprego

Entender as expectativas de um novo cargo pode ajudar a ser bem-sucedido na empreitada.

CIO

14/07/2008 às 8h47

Foto:

Se antes da entrevista de emprego você tiver a oportunidade de conversar com alguém que trabalha na empresa na qual está tentando uma vaga, faça tudo para descobrir o máximo que puder sobre o cargo. Sam Gordon, responsável pelo trabalho com CIOsna Harbey Nash Executive Search, e Phil Rosenberg, fundador da reCareered, sugerem algumas perguntas que você pode fazer para entender mais sobre a posição na qual está interessado.

Se o anúncio de emprego enfatiza uma implementação de software em particular, Gordon recomenda perguntar sobre o projeto:
• Em que estágio encontra-se a iniciativa?
• Quem é o patrocinador do projeto?
• Como foram os projetos de software nos últimos dois anos?

Estas questões lhe darão uma idéia sobre como a companhia lidou com os projetos anteriores e se a iniciativa em questão está correndo a contento.

Inovações tecnológicas:
> Nova memória racetrack da IBM promete armazenar 500 vezes mais
> Descoberta da HP promete memórias que substituirão a DRAM
> Samsung cria HD com memória flash capaz de armazenar 256 GB

Uma forma de não parecer que você está interrogando a pessoa com quem teve a chance de conversar é alternar perguntas diretas sobre o cargo e o projeto em questão com assuntos mais “inocentes”, como “Você gosta de trabalhar para esta empresa?” E, se você perceber que fez alguma pergunta indiscreta demais, recue um pouco e tente outra tática.

Já na entrevista de emprego, um bom caminho é perguntar sobre desempenho e expectativas. Gordon alerta aos candidatos para perguntarem o que a companhia espera para o cargo nos próximos seis meses ou mesmo no próximo ano. “Assim, você consegue ter uma boa idéia das suas prioridades iniciais, se conseguir o cargo”, explica.

> Os 30 CEOs mais ricos de TIC

Se você perceber que a posição pode ser mais tática do que estratégica, a sugestão é perguntar ao entrevistador quanto tempo o profissional escolhido deverá dedicar à estratégia de TI e quanto deve dispender com iniciativas operacionais da área.

E não se esqueça de questionar o básico. É importante saber para quem o novo contratado irá responder, o tamanho do departamento que irá comandar, sua estrutura e o tamanho do orçamento. Aspectos como a quantidade de viagens demandadas pela posição, também são importantes. E, finalmente, descubra o porquê da contratação: se trata-se de uma nova posição ou se estará substituindo outro executivo.

Na CW Connect, rede social do COMPUTERWORLD para profissionais de TI e telecomunicações, há um grupo de discussão interessante sobre carreira. Participe.

Deixe uma resposta