Home  >  Segurança

Integração ao SPB ainda preocupa bancos

Maioria das 90 pequenas e médias empresas entrevistadas pela IDC Brasil afirma que pagou mais do que imaginava para o novo Sistema de Pagamentos Brasileiro e não sabe quanto custará todo o processo.

Computerworld

20/05/2002 às 13h01

Foto:

Praticamente um mês após o início do novo SPB (Sistema de Pagamentos Brasileiro), os pequenos e médios bancos, seguradoras, empresas de previdência privada e administradoras de cartões de crédito, ainda têm muito trabalho a cumprir em termos de atualização tecnológica.

Em uma pesquisa realizada com 90 empresas de grande e médio porte — 30 bancos e o restante dividido entre empresas de previdência privada, seguradoras e administradoras de cartões de crédito — a IDC Brasil revela que os bancos estarão preocupados com processos de integração inerentes ao SPB (Sistema de Pagamentos Brasileiro), até agosto.

A maioria dos entrevistados pelo estudo “Perspectivas do Segmento Financeiro no Brasil” afirmou que pagou mais do que imaginava para o SPB e não sabe quanto custará todo o processo, pois ainda está investindo em ferramentas de segurança, integração, software de monitoração de ambiente — fator que pode comprometer outros investimentos prioritários em 2002.

Os resultados também revela um contraste no nível tecnológico de seguradoras e empresas de previdência privada, que investiram pouco em TI até 1996. Parte delas utiliza GPS (Global Positioning System) para localização de carros e WAP (Wireless Application Protocol) para a equipe de corretores, enquanto outras ainda possuem estrutura de back office obsoleta.

Tags

Deixe uma resposta