Home  >  Carreira

Grupo Radix equilibra suas contas em dois meses

Agora sob o comando de quatro empresas de software que compõem o Grupo Radix de Tecnologia, um dos mentores do Radix.com, Pedro Falcão, fala ao CW Online, sobre o bem-sucedido casamento entre incubadoras e desenvolvedores de software, no país.

Daniela Braun

11/07/2001 às 11h32

Foto:

Nos próximos dois meses, o Grupo Radix de Tecnologia que reúne quatro empresas especializadas em desenvolvimento de software e demandou R$ 8 milhões em investimentos desde sua origem, em janeiro de 2000, chega ao equilíbrio financeiro.

Esta é a estimativa de Pedro Falcão, um dos mentores do Grupo Radix que originou-se de um projeto acadêmico de indexação de dados — financiado pelo CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico), incubado pelo CESAR (Centro de Estudos e Sistemas Avançados do Recife) em parceria com a UFPE (Universidade Federal de Pernambuco) — resultando no engenho de buscas Radix.com, onde aportou o CVC/Opportunity.

Brasileiro, mestrado em Computação Aplicada no Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), doutorado em Ciência da Computação pela UFPE (Universidade Federal de Pernambuco), Pedro Falcão passou por três anos de pesquisas no projeto de indexação de dados batizado de Bright!, e viu sua brilhante teoria virar prática de mercado.

"Está mais fácil desenvolver software no Brasil. O mercado de software cresceu", afirma Falcão, atualmente, no comando de 120 funcionários entre quatro empresas do grupo sediado em Recife, com escritórios no Rio de Janeiro e em São Paulo.

Para Falcão, a presença crescente das incubadoras é um dos principais fatores de sucesso das empresas de software, no país, embora o mercado seja dominado pelas multinacionais. "O desenvolvimento de software casa muito bem com a incubação. Éramos um grupo de três pessoas, ganhamos bolsa do CNPq, mas a incubadora ajudou a gente a se aproximar de um banco de investimentos do tamanho do Opportunity", conta o executivo.

Hoje, o grupo concentra as empresas Joystudios — novo nome para a ArtVoodoo Entertainment, especializada em ambientes interativos, games e entretenimento — Mobile Software & Technology — desenvolvedora de sistemas para computadores móveis — Wiser Technologies, especializada em gerenciamento de documentos eletrônicos e transações seguras — e Radix Tech, braço de tecnologia do Grupo Radix.

linguagem de programação C

Falcão ressalta a importância do desenvolvimento tecnológico além do eixo Rio-São Paulo e do fortalecimento dos pólos regionais — como Pernambuco, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Santa Catarina — como um impulso para empreendimentos locais.

O executivo também considera saudável a possibilidade de integração entre o celeiros de TI. "Hoje, há pouca articulação entre os pólos. Ainda há um fenômeno de convergência para São Paulo, onde estão as pessoas com poder de decisão", avalia Falcão.

Aumentar a massa crítica e "o caldo de desenvolvimento" nos pólos brasileiros de TI, atraindo novas empresas, segundo ele, são tão importantes quanto a retenção de profissionais capacitados, no país.

Para engrossar o caldo brasileiro de desenvolvimento, no entanto, além de fazer uso da grande rede mundial e das incubadoras, Falcão afirma ser preciso observar o campo. "A questão é que tipo de produto você está tentando lançar e como enxerga o espaço dele no mercado", aconselha.