Home  >  Negócios

NEC divide unidade de semi condutores

Como parte do processo global de reestruturação, a fabricante anuncia para outubro a criação de uma companhia dedicada ao desenvolvimento de semi condutores. Em um ano, as vendas da nova empresa, que terá com 500 funcionários, estão estimadas em US$ 1 bilhão.

IDG News Service

10/01/2001 às 13h04

Foto:

A japonesa NEC Corp. informou, nesta quarta-feira, dia 10, que planeja separar grande parte de seu trabalho em componentes de comunicação de alta velocidade em uma nova companhia, mais concentrada nestes produtos para promover uma expansão rápida nos mercados de acesso em banda larga e redes.

O anúncio de hoje também faz parte de um processo de reestruturação mundial iniciado pela NEC em abril de 2000, no início o ano fiscal da empresa.

A nova companhia, prevista para ser formada em outubro deste ano, abrangerá as operações da NEC em semicondutores ópticos, microondas e silício. A nova unidade incluirá pesquisa, desenvolvimento e produção de dispositivos ópticos, como diodos de laser e componentes ópticos para equipamentos WDM (Wavelength Division Multiplexing)de telecomunicações de alta velocidade, além de componentes para a próxima geração de terminais residenciais em fibra ótica e componentes de comunicação por microondas.

Aston Nridgman, porta-voz da NEC, acredita que no primeiro ano de atividade, a nova companhia, criada com uma equipe de 500 funcionários, somará 120 bilhões de yens US$ 1 bilhão em vendas. A NEC também planeja fazer uma oferta pública inicial (IPO) desta companhia, nos próximos dois anos.

A fabricante japonesa prevê que o mercado global para tais componentes e produtos alcance 2 trilhões de yens em 2005, quando espera alcançar 15% deste mercado.