Home  >  Negócios

Microsoft aguarda aval do governo para integrar Great Plains

Gerente de canais corporativos da Microsoft Brasil informa que, por enquanto, as empresas mantém suas operações de forma independente até que a aquisição da fabricante norte-americana de ERP pela Microsoft Corp, anunciada em dezembro de 2000, seja aprovada pelo governo dos Estados Unidos, o que deve ocorrer em três meses.

Daniela Braun

04/01/2001 às 17h59

Foto:

No dia 21 de dezembro de 2000, a Microsoft Corp. marcou sua entrada no mercado de software de gestão empresarial (ERP) com o anúncio da aquisição da fornecedora norte-americana Great Plains, por US$ 1,1 bilhão em troca de ações.

"Hoje ainda não temos nada de concreto definido. A princípio, a Microsoft Corp. aguarda a autorização do governo norte-americano para efetivar o negócio, o que deve levar cerca de três meses", informa João Bortone, gerente de canais corporativos da Microsoft no Brasil.

Enquanto aguarda a aprovação do governo, Bortone informa que as subsidiárias locais das empresas envolvidas no negócio mantém o ritmo de trabalho separadamente. Após receber o parecer do governo, segundo o executivo, a Microsoft Corp. inicia um plano de integração na matriz que levará de seis a 12 meses, envolvendo a inclusão da Great Plains na recém-criada Business Application Division da Microsoft Corp.

"Não acredito que haja uma fusão completa localmente mas um forte trabalho em conjunto entra as duas empresas", avalia Bortone. "Um dos grandes pilares desta junção é integrar os produtos Great Plains à plataforma .Net da Microsoft para o mercado de pequenas e médias empresas, um segmento que ainda é carente de tecnologia", afirma o executivo.

Como gerente de canais corporativos da Microsoft, no país, Bortone conta que fez questão de ressaltar que a aquisição de uma empresa de ERP pela companhia de Bill Gates não é motivo de preocupação para os parceiros locais que comercializam soluções de ERP e CRM (Customer Relationship Management).

"Não estamos competindo com nosso canal. Estamos direcionados ao mercado de pequenas e médias empresas e continuaremos apoiando nossos parceiros no desenvolvimento de plataformas para seus produtos, além de oferecer mais opções de produtos com a integração da Great Plains", declara Bortone.