Home  >  Negócios

MEC faz nova licitação para comprar 21 mil micros

Programa Nacional de Informática na Educação (Proinfo), do Ministério da Educação, pretende adquirir este ano 21 mil microcomputadores e igual número de software para as escolas públicas. Meta do ministério é informatizar 105 mil unidades de ensino em todo o país.

admin

04/01/2001 às 18h26

Foto:

O Ministério da Educação vai realizar no próximo dia 5 de março mais uma licitação para a aquisição de 21 mil microcomputadores e igual número de software anti-vírus, videoconferência e videostreaming. Esta é a segunda etapa do Programa Nacional de Informática na Educação (Proinfo), que no ano passado já comprou 32 mil computadores e software para as escolas públicas em todo o país, segundo informações da Secretaria de Educação à Distância do MEC. A meta do Proinfo é instalar 105 mil computadores, sendo que 5 mil em Núcleos de Tecnologia Educacional, para atender 7,5 milhões de alunos em 6 mil escolas públicas.Além disso, o programa deseja capacitar mil professores multiplicadores formados em cursos de pós-graduação lato sensu realizados em parceria com universidades e outros 25 mil das escolas para trabalhar com recursos de telemática em sala de aula. O Proinfo também pretende formar 6 mil técnicos de suporte às escolas e aos núcleos nas áreas de hardware e software. Paralelo à essa iniciativa, O Ministério da Educação poderá contar, este ano, com R$ 500 milhões do Fundo de Universalização das Telecomunicações (Fust), que serão aplicados na implantação da internet em 12,5 mil escola públicas. Igual quantia também deverá ser destinada em 2002 para a conclusão do programa, segundo informou o Ministro das Comunicações, Pimenta da Veiga. O programa está em fase de consulta pública para o recebimento de sugestões do setor de telecomunicações, que estará habilitado a participar das licitações para o fornecimento da infra-estrutura necessária para a internet escolar.