Internet > Privacidade

Yahoo deve ser alvo de processos por vazamentos, diz juíza dos EUA

Segundo tribunal americano, empresa comprada pela Verizon deve enfrentar ação coletiva por vazamentos de dados de usuários em 2013 e 2014

04 de Setembro de 2017 - 13h43

Uma juíza dos EUA decidiu que os processos judiciais contra o Yahoo por conta de vazamentos de dados de usuários podem seguir em frente. A informação é da Reuters.

De acordo com a agência de notícias, a juíza Lucy Koh rejeitou o pedido do Yahoo para a justiça americana desconsiderar os processos de usuários que foram consolidados como uma ação de classe em dezembro do ano passado.

“Todos os queixosos alegaram um risco de futuro roubo de identidade, além de perda de valor das suas informações de identificação pessoal”, afirmou a magistrada em sua decisão.

Para quem não lembra, o Yahoo foi alvo de dois grandes ataques hackers em 2013 e 2014, quando foram vazados dados pessoais e de acesso de 1 bilhão de usuários e 500 milhões de usuários, respectivamente.

Esses escândalos inclusive fizeram com que a Verizon conseguisse um desconto de cerca de 350 milhões de dólares em sua oferta de compra do Yahoo, que foi fechada em 4,48 bilhões de dólares.