Internet > Internet das Coisas

TIM, Ericsson e Inatel firmam cooperação para soluções de cidades inteligentes

Parceria servirá como base para série de ações e pesquisas relacionadas a soluções móveis de IoT

23 de Março de 2018 - 16h21

Tim, Ericsson e o Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel) anunciaram nesta sexta-feira (23/3) um acordo de intenção para colaboração tecnológica, científica, de inovação e empreendedorismo com objetivo de prover soluções para o desenvolvimento de cidades inteligentes e internet das coisas (IoT, na sigla em inglês), com base em soluções móveis.

Segundo as organizações, a parceria vai permitir que a operadora forneça aos alunos de graduação e mestrado do Inatel tópicos de pesquisa e investigação para que estes possam sugerir soluções a serem aplicadas no campo acadêmico e, futuramente, replicadas fora da universidade. As interações sobre os projetos ocorrem na plataforma IoT Accelerator, solução em nuvem da Ericsson.

Luiz Antonio Tavares, Vice-Presidente Comercial da Ericsson Brasil, explica que o objetivo é estimular o desenvolvimento de soluções para smart cities dentro da plataforma IoT Accelerator. "Por ser feito no ambiente real da operadora e ter o apoio do Inatel no desenvolvimento das aplicações, teremos um ecossistema pronto para fomentar inovações em IoT que irão beneficiar os municípios tanto na vertical de saúde, quanto também em educação e segurança", destaca.

Com duração prevista de dois anos, além de 40 especialistas do Inatel, entre pesquisadores e doutores, o acordo vai permitir também que se estude mais o desenvolvimento do IoT Móvel no Brasil. A tecnologia, que é considerada um elemento-chave para o desenvolvimento do 5G, pode ser utilizada em rastreamento de ativos industriais e monitoramento de segurança.