Negócios > Fusões e Aquisições

Soluti adquire unidade de negócios de certificação digital da DocuSign no Brasil

Segundo a empresa, com a aquisição ela se torna a segunda maior emissora de certificados digitais no país. O valor do negócio não foi revelado

11 de Abril de 2017 - 16h57

A Soluti, empresa especializada em segurança e certificação digital, acaba assinar acordo para a aquisição da unidade de negócios de certificação digital da DocuSign no Brasil.  Os termos financeiros do negócio não foram revelados.

Com a compra, a Soluti adicionará 11 novas unidades próprias e assumirá a segunda colocação no ranking das autoridades certificadoras no país com 15% de participação de mercado. Em comunicado, ela diz que a aquisição permitirá que aumenta sua cobertura e capilaridade, passando a contar com 1,8 mil pontos de atendimento aos clientes no Brasil, praticamente dobrando o índice atual.

“Além de ganhar mais capilaridade, com esta aquisição, a Soluti fortalece a presença em São Paulo, notadamente o mercado de segurança digital mais movimentado do país”, afirma Michel Medeiros, CEO da Soluti. São Paulo representa mais de 20% das validações de certificados digitais e é um dos principais alvos da Soluti para atingir a meta de 40% de crescimento neste ano.

Nos últimos dois anos, com o objetivo de expandir a atuação, a Soluti investiu na aquisição de sete empresas, com sinergia com seu negócio, e no estabelecimento de parcerias estratégicas com companhias de segurança da informação. “E novas aquisições estão em nosso radar, ainda neste ano”, adianta Vinícius Sousa, presidente do conselho administrativo da Soluti.

“Estamos satisfeitos de termos acordado a venda da nossa operação de certificação digital do Brasil, a partir de agora o foco da nossa equipe está no avanço de nossa liderança como padrão global em gestão de transações digitais (DTM) e assinatura eletrônica no Brasil e em todo o mundo”, diz Marco Américo D. Antonio, vice-presidente de operações Latam da Docusign.

Com a aquisição, a Soluti absorverá 80 funcionários e filiais próprias nos estados do Rio Grande do Norte, Sergipe, Pernambuco, Bahia, Ceará, Piauí e Paraná, além de São Paulo, sede da operação, passando a ter mais de 900 colaboradores em todo o país. 

A previsão é que o negócio seja concluído no fim de maio próximo, após a conclusão de obrigações contratuais e de não competição da Docusign.