Aplicações > Aplicativos

Sistema de mensagens da Microsoft deve ganhar impulso com parceria com Adobe

As duas empresas ampliam o acordo de cooperação que já mantêm com integrações envolvendo o Adobe Sign e a plataforma de mensagens para empresas Microsoft Teams

08 de Setembro de 2017 - 15h50

A Microsoft e a Adobe fortaleceram a parceria estratégica que mantêm com novas integrações de produtos destinadas a proporcionar o aumento da produtividade no local de trabalho. Como parte do novo acordo, o Adobe Sign passa agora a ser a plataforma de assinatura eletrônica (e-signature) preferencial no portfólio de produtos da Microsoft, disseram duas empresas em um comunicado na quinta-feira, 7.  Para a Adobe, o acordo significa um potencial acesso a 100 milhões de usuários do pacote Office365, bem como a plataforma Dynamics CRM.

Outras integrações do Adobe Sign incluem o Microsoft Flow, ferramenta de gerenciamento de fluxo de trabalho lançada no ano passado; o OneDrive, plataforma de armazenamento de documentos em nuvem; e o Microsoft Teams, sistema de mensagens para empresas que concorre diretamente do o aplicativo da startup Slack e o Workplace, do Facebook.

A integração do Adobe Sign ao Microsoft Teams foi feita com o intuito de simplificar processos de assinatura eletrônica para grupos de funcionários, disseram as empresas. O Adobe Sign disponível no Teams permitirá que os usuários enviem documentos para assinatura, enquanto um bot Teams apoiará gerenciamento e rastreamento de documentos.

A plataforma de mensagens da Microsoft também será integrada no pacote de software Adobe Creative Cloud e no serviço de imagem Adobe Stock, com o objetivo de fornecer feedback mais rápido sobre projetos criativos. "É provável que a parceria ofereça um impulso à Microsoft, pois leva o Teams para os clientes corporativos", disse o analista da 451 Research, Raúl Castañón-Martínez.

O serviço recentemente lançado pela Microsoft enfrenta dura concorrência de rivais como o Slack e o Atlassian, que anunciou nesta quinta-feira seu software de colaboração Stride. "O Adobe Sign é um serviço de assinatura eletrônica líder da melhor categoria. A parceria tornará a proposta de valor do Microsoft Teams mais convincente", afirmou Martínez.

Embora a aliança possa não afetar a adoção do produto "será definitivamente uma vantagem para a base de clientes da Microsoft, porque eles poderão fazer mais com suas equipes", afirmou. "Mais do que tudo, isso ajudará na retenção de clientes. Esta é uma jogada inteligente para a Microsoft, e não é algo que ela poderia pensar em não fazer."

"Embora a parceria com a Adobe seja uma vantagem para a Microsoft, não é necessariamente uma vantagem para a fabricante de software de editoração eletrônica e design gráfico", disse Martínez.

Craig LeClair, vice-presidente e analista principal da Forrester Research, também classificou a parceria de "boa combinação". "O Microsoft Teams é limitado na geração de documentos e formulários, duas áreas importantes para preparar informações para a assinatura. A Adobe traz isso com o Adobe Design ", disse ele.

A parceria é resultado de um acordo inicial, firmando em setembro de 2016, quando as empresas anunciaram que os serviços Adobe Creative Cloud, Document Cloud e Marketing estariam disponíveis na plataforma de nuvem Azure, da Microsoft.

A versão do Adobe Sign integrado com o Microsoft Dynamics e o SharePoint já está disponível, sendo que a versão integrada ao Teams, Flow e o Sharepoint de ocorrer nas próximas semanas.