Segurança

Serviços populares de VPNs estão "vigiando" usuários

Estudo mostra que 26 das 115 VPNs mais populares do mundo não seguem regras de privacidade

27 de Março de 2018 - 15h02

Investigação realizada pelo portal TheBestVPN, que reúne reviews de usuários, aponta que diversos serviços populares de VPN não estão cumprindo o que prometem em suas políticas de privacidade

Para criar relação de confiança, os provedores prometem não rastrear usuários com registros ou armazenamento de informações. Mas não é o que está acontecendo.

O portal investigou 115 serviços de VPN e 26 deles coletam três ou mais arquivos de logs importantes, que estão profundamente escondidos em sua política de privacidade, e que podem conter informações pessoas e de identificação, como IP e localização.

Em post, o portal destaca que, se o usuário não está fazendo nada ilegal, qual é o objetivo de ter uma VPN? "É para mantê-lo totalmente privado e anônimo. Daí a razão pela qual não recomendamos o uso das VPNs listadas", afirma.

Confira a lista das 26 VPNs apontadas como não confiáveis:

PureVPN
HideMyAss
HotSpot Shield
VPN Unlimited
VyprVPN
Astrill
ZoogVPN
Buffered
TigerVPN
Boleh VPN
Anonymizer
IPinator
Seed4.me
AnonVPN
FlyVPN
SunVPN
iPredator
HideIP VPN
VPN Gate
HolaVPN
Faceless.me
Betternet
Ace VPN
Flow VPN
Freedom-IP
IronSocket