Mobilidade > Comunicação Unificada, Mobile Apps

Seis dicas para que desenvolvedores tirem o máximo proveito do Slack

Uso do app explodiu há quase três anos, graças à integração com quase todas rede sociais e de compartilhamento mais usadas no mercado

06 de Julho de 2016 - 07h00

O uso do app de bate-papo corporativo Slack explodiu há quase três anos, graças à sua integração com quase todas as ferramentas de rede social e de compartilhamento mais usadas no mercado.

Uma das grandes razões para a popularidade entre os desenvolvedores, bem como a comunidade em geral, é que é fácil entrar para Slack e usá-lo em qualquer lugar, de acordo com Adam Preset, diretor de pesquisa da Gartner sobre Digital Workplace.

A capacidade de se comunicar em salas de chat, canais organizados por temas ou projetos, ou usando grupos privados ou mensagens, é básica em qualquer aplicação de chat em grupo. O Slack faz tudo isso muito bem. Mas uma coisa o Slack particularmente atraente para os desenvolvedores: a capacidade de integrar outras aplicações ao serviço. O famoso concentrador de projetos de código aberto GitHub e a ferramenta de desenvolvimento e teste CircleCI são apenas dois bons exemplos dessa integração.

"A plataforma é aberta o suficiente para permitir que os desenvolvedores usem suas habilidades de codificação para moldá-la de acordo com as suas próprias necessidades", diz Matt Dolan, líder da equipe de desenvolvimento do CMS Jadu. "A mentalidade do desenvolvedor é a de trabalhar para consertar o código, acrescentando funcionalidades e automatizando o que puder nesse processo, para evitar retrabalho", diz ele. "O Slack permite fazer isso, ao tornar o trabalho em grupo mais fácil."

Uma característica do Slack que visa claramente a comunidade de desenvolvedores é o suporte embutido para compartilhamento e testes de trechos de código entre eles. Como todo conteúdo compartilhado via Slack pode ser permanentemente armazenado e fácil de pesquisar, isso significa que qualquer código compartilhado dessa maneira estará sempre acessível e utilizável por outros desenvolvedores, a qualquer tempo e lugar, e de forma segura.

É fato que há cerca de um, o serviço foi violado. Hackers tiveram acesso a nomes de usuário, endereços de e-mail, senhas criptografadas e outras informações cadastrais dos usuários, mas não, aparentemente, ao conteúdo dos canais de chat.

Mike Street, um desenvolvedor na agência de web design Liquid Light , diz que a principal vantagem para ele é reduzir as interrupções. Algo particularmente importante para os desenvolvedores. "Você pode usar o Slack para receber mensagens quando estiver pronto, sem interromper o seu fluxo", diz ele.

Na verdade, o uso de Slack já está tão difundido na comunidade de desenvolvedores que a familiaridade com a ferramenta está se tornando tão importante quanto a proficiência em certas linguagens, se você quiser conseguir um emprego nessa área, diz Zaleski, da Netguru. "Na maioria dos nossos processos de recrutamento incluímos uma pergunta sobre quais ferramentas de bate-papo o candidato está familiarizado e certamente olhamos com carinho para as pessoas que sabem como usar o Slack", diz ele.

Aqui estão seis dicas dos desenvolvedores para tirar o máximo proveito do Slack.

1. Explore o poder de bots

Matt Dolan, da Jadu, escreveu um bot integrado ao sistema de RH da empresa. Todas as manhãs, às 8 horas, usa o Slack para enviar uma lista de pessoas que estão trabalhando a partir de casa ou que estão de férias naquele dia para ajudar os desenvolvedores a conhecer a disponibilidade de seus companheiros de equipe.

2. Integre com o que puder

Paul Stanton, desenvolvedor da Jadu, conta que a integração do  Slack com o HeyUpdate permite que, diariamente, às 16hs, todos os desenvolvedores sejam automaticamente convidados a informar no que estão trabalhado. As informações de cada membro da equipe são publicadas no Slack, às 8 horas da manhã do dia seguinte. "Essa integração me mantém em sincronismo com o resto da equipe, mesmo trabalhando de casa", diz ele.

3. Não tenha medo de trabalhar com muitos canais

"É uma boa idéia separar as conversas em seus próprios canais, e não se preocupar em ter muitos canais para gerenciar", diz Mike Street,  da Liquid Light. "Asssim é possível evitar interromper o seu fluxo de trabalho com discussões sobre Game of Thrones ou vídeos engraçados de gatinhos", diz ele. O benefício de uma abordagem multi-canal é que ao ser preciso sobre o conteúdo pertencente a cada canal, você sabe se é interessante ou não prestar atenção neles a partir de determinado horário. 

4. Use o Slack para encontrar os companheiros certos

Em um projeto grande, com muitos desenvolvedores remotos, pode ser quase impossível saber a quem recorrer no caso de uma dificuldade ou de uma dúvida. "O nosso bot Slack combina as tarefas que você tem desenvolvido com as de outros desenvolvedor com um nível de habilidade semelhante, facilitando a troca de ideias", diz Stanton.

5. Desabilite as notificações desnecessárias

"O Slack pode ser uma ferramenta útil para o aumento da produtividade, mas também pode ser fonte de distração se você não tiver cuidado", diz Paul Stanton. "Eu quero que os dados estejam disponíveis no ambiente, não que sejam atirados em mim. Por isso é importante decidir quais as notificações desativar para evitar a sobrecarga de informações."

6. Use atalhos de teclado

A maioria dos desenvolvedores gosta de usar atalhos de teclado no lugar do mouse, e há uma abundância deles no  Slack para torná-lo mais produtivo. "O meu favorito é usar a seta para cima quando estou no chat e quero editar um comentário", diz Thomas Peham, da Usersnap. "Uso todos os dias para mudar algo ou corrigir um erro de digitação", diz ele. Outra economia de tempo é o Quick Switcher, acessado através das combinações Ctrl + K (PC) ou Cmd + K ( em Macs). Você pode usá-lo para se deslocar entre as conversas em grupo, canais ou conversas privadas, digitando as primeiras letras de seus nomes e pressionando Enter.