Tecnologia > Inovação

Segunda rodada do Finep Startup vai destinar R$ 25 mi para alavancar empresas inovadoras

Poderão participar do certame empresas inovadoras de todo o país que estejam na fase final de desenvolvimento de um produto, serviço ou que precisem ganhar escala de produção

24 de Novembro de 2017 - 16h37

Em evento com empresários do Distrito Federal, a Financiadora de Estudos e Projetos apresentou, na quinta-feira, 23, a segunda rodada do programa Finep Startup. Estão disponíveis R$ 25 milhões para alavancar empresas inovadoras de todo o país que estejam na fase final de desenvolvimento de um produto, serviço ou que precisem ganhar escala de produção. O valor máximo para cada projeto é de R$ 1 milhão.

O edital foi lançado na última terça-feira, 21, e o prazo de inscrições termina em 26 de dezembro. Podem participar empresas que atuam em setores como agropecuária, cidades sustentáveis, defesa, educação, energia e saúde. O assessor da presidência da Finep, Fernando Ribeiro, explica que o programa funciona como um complemento ao Start-Up Brasil, coordenado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC).

“O Start-Up Brasil é voltado para empresas em uma etapa inicial e que ainda não têm um conhecimento de mercado. Ele permite o apoio à empresa para contratar um pesquisador, ter contato com aceleradoras e acesso ao mercado internacional. No programa da Finep, a empresa tem que estar constituída, ter um produto razoavelmente desenvolvido, e o estágio de maturidade da tecnologia precisa estar um pouco mais à frente”, afirma.

Na primeira rodada do Finep Startup, lançada em junho, foram submetidas 503 propostas e 25 projetos foram escolhidos para receberem apoio. A expectativa da financiadora é fechar os primeiros contratos ainda este ano.