Tecnologias Emergentes > Blockchain

Sawtooth: conheça o projeto do Hyperledger para blockchain corporativo

Plataforma é o segundo projeto Hyperledger da fundação a virar realidade após o Fabric 1.0, que chegou em julho de 2017

05 de Fevereiro de 2018 - 09h46

O projeto colaborativo de blockchain open-source da Linux Foundation, o Hyperledger, anunciou nesta semana o Sawtooth 1.0, um framework modular para construir, implementar e rodar blockchains corporativos.

Projetos pilotos de blockchain baseados no Sawtooth 1.0 já foram implementados para fornecer suporte para diversos cases de negócios, incluindo atribuição de direitos de conteúdos em música e mídia, registros de transações em serviços de saúde, política de proteção Know Your Customer (KYC) em serviços financeiros e outros, segundo o Hyperledger.

O Sawtooth é o segundo projeto Hyperledger da fundação a virar realidade após o Fabric 1.0, que chegou em julho de 2017 – o Fabric habilita componentes no blockchain, como consenso e serviços de associação.

Para quem não sabe, o Sawtooth é apenas uma das nove tecnologias de ledger distribuído e blockchain corporativo hospedadas pela Linux Foundation, incluindo o Hyperledger Composer, uma linguagem de modelagem baseada em JavaScript e com suporte para a API REST.

Resultado do esforço de mais de 50 engenheiros de software, o Hyperledger Sawtooth é feito para entregar habilidades como governança na corrente (on-chain), que pode utilizar “contratos inteligentes” (“smart contracts”) auto-executáveis para votar em configurações de blockchain como quem pode participar de um ledger eletrônico permissionado (privado).

Ele oferecerá uma engine avançada de execução de transações que consegue processar transações enquanto acelera a a criação e a validação de blocos.

O Sawtooth também irá suportar o Ethereum, a outra plataforma principal de blockchain do mercado. Com a integração, o Sawtooth poderá rodar contratos inteligentes baseados na linguagem de programação Ethereum Solidity, que é baseada em JavaScript. Isso permitirá que o Sawtooth rode ferramentas do Ethereum, como IDEs e Web3.

Por fim, o Sawtooth Dynamic Consensus permitirá que os administradores modifiquem o protocolo de consenso do blockchain de forma rápida à medida que os usuários aumentem, habilitando a integração de algoritmos mais escaláveis à media que fiquem disponíveis.

“Estamos muito animados em ver não um, mas dois projetos ativos do Hyperledger atingirem o estágio 1.0”, afirmou o diretor executivo do projeto, Brian Behlendorf. “Esse é um testamento enorme para a grande colaboração da nossa crescente comunidade; estou ansioso para ver ainda mais produtos e serviços impulsionados pelo Hyperledger Sawtooth ao longo do ano.”

No ano passado, a Intel estava entre as empresas que fizeram propostas de código para o Sawtooth – o da empresa foi chamado de Sawtooth Lake.

Além da Intel, o Hyperledger Sawtooth é apoiado por várias organizações, incluindo Amazon Web Services (AWS), Ericsson, Huawei, IBM, Microsoft Azure, R3 e T-Mobile.