Negócios > Fusões e Aquisições

Rimini Street conclui fusão com GP Investments Acquisition Corp

Companhia manterá o nome Rimini Street, Inc., receberá investimentos de US$ 50 milhões e começa a negociar na Nasdaq sob o símbolo de registro "RMNI"

16 de Outubro de 2017 - 15h38

A Rimini Street, fornecedora de serviços de suporte a sistemas de gestão empresarial para Oracle e SAP, anuncia a conclusão da fusão com a GP Investments Acquisition Corp. A empresa manterá o nome de Rimini Street, Inc., e suas ações ordinárias serão listadas na bolsa de tecnologia Nasdaq, negociadas sob a sigla "RMNI".

A operação consistiu na emissão de aproximadamente 65,6 milhões de ações ordinárias da GP Investiments avaliadas em US$ 10 a ação para os acionistas da Rimini Street. Os fundos obtidos de US$ 50 milhões incluem receitas de caixa geradas com a emissão de 3,6 milhões de ações ordinárias da GP a US$ 10 a ação para um afiliado da GP Investments, Ltd., e uma terceira rodada de participação acionária pelo maior acionista da Rimini Street, a Adams Street Partners. O lucro do investimento será utilizado para fornecer caixa adicional ao balanço, reduzir a dívida total e pagar despesas decorrentes da transação.

A equipe executiva da Rimini Street, liderada pelo fundador, CEO e chairman do conselho de administração Seth Ravin, continuará na gestão da empresa. Ainda relacionado à transação, o board da Rimini Street aumentou de sete para nove membros. Ravin e todos os atuais membros do conselho de administração da Rimini Street continuarão com suas funções, com a adição de Antonio Bonchristiano, CEO da GP Investments, Ltd., e de Andrew Fleiss, diretor executivo da GP Investments, Ltd.

"A Rimini Street registrou 46 trimestres consecutivos de crescimento em sua receita, fornecendo soluções de suporte inovadoras e de alto valor agregado, além de um serviço excepcional que atende às necessidades globais de clientes de sistemas corporativos. Com a conclusão da fusão e o início para a abertura de capital, o negócio está melhor posicionado para capitalizar ainda mais no mercado global de US$ 160 bilhões referentes à manutenção e suporte de sistemas de gestão empresarial", afirma Ravin. "A companhia pretende alavancar oportunidades adicionais oferecidas pela fusão, pelo aumento de investimentos e pelo acesso aos mercados de capitais para expandir suas ofertas e sua capacidade para entrega de serviços diferenciados em novas regiões e mercados de forma orgânica ou por meio de possíveis aquisições estratégicas."

A Cowen foi consultora de mercados financeiros e de capitais da Rimini Street e o Citigroup atuou como consultor da GP Investments. Wilson, Sonsini, Goodrich e Rosati, P.C. e Cooley LLP atuaram como consultores jurídicos da Rimini Street, e Skadden, Arps, Slate, Meagher & Flom LLP atuaram como consultores jurídicos da GP Investimentos.