Aplicações > Aplicativos, Virtualização

Opera anuncia fim de aplicativo gratuito de rede VPN

Lançado em 2016, app para Android e iOS deixa de funcionar oficialmente no fim de abril

19 de Abril de 2018 - 10h18

A Opera anunciou nesta semana o fim do seu aplicativo gratuito de rede VPN (rede virtual privada) para aparelhos Android e iOS. Lançado originalmente em 2016, o Opera VPN deixará de funcionar oficialmente no final de abril.

Um dos principais atrativos do aplicativo, além de ser gratuito, é claro, era o fato de oferecer navegação ilimitada para smartphones e tablets com os sistemas móveis do Google e Apple.

Reproduzindo muitos dos recursos disponíveis na versão do Opera para desktop, o aplicativo em questão permitia que o usuário escolhesse a localização do servidor virtual entre diferentes países e incluía um recurso de ad-blocker (bloqueador de anúncios) embutido.

Pouco após o lançamento do produto, em 2016, a empresa passou a oferecer também uma versão paga do serviço para aparelhos iOS. Chamada de Opera VPN Gold, essa edição trazia diferenciais como maior velocidade, mais regiões de servidores e suporte dedicado ao usuário – tudo pelo pagamento anual de 30 dólares.

Todos os usuários iOS que tiverem assinado o serviço Gold receberão um ano gratuito do SurfEasy Ultra, a plataforma VPN em que o serviço da Opera era baseado. O SurfEasy Ultra normalmente custa 12 dólares ao mês e promete uso ilimitado em até cinco aparelhos, acesso a 28 regiões, e está disponível para iOS e Android.

A Opera ainda anunciou que todos os usuários da versão gratuita do seu aplicativo de VPN terão um cupom de desconto de 80% para assinar o SurfEasy Total VPN por meio da versão mais recente do Opera VPN para iOS e Android. Essa opção normalmente custa 5 dólares ao mês e inclui 12 regiões a menos do que o Ultra.

Vale notar que o fim do aplicativo mobile de VPN da Opera não afeta o navegador da empresa para desktop.