Negócios > Startups

Nexa investirá até US$ 2,4 milhões em projetos com startups

Programa Mining Lab 2, da antiga Votorantim Metais, busca inovações em cinco países

17 de Janeiro de 2018 - 09h22

A Nexa Resources, nova marca da Votorantim Metais, anuncia a abertura das inscrições para o Mining Lab 2, programa de apoio a empreendedores e ao desenvolvimento de inovações tecnológicas para as áreas de mineração e metalurgia. Por meio da iniciativa, que chega à sua segunda edição, a empresa investirá até US$ 2,4 milhões em projetos com startups.

O programa vai selecionar os melhores projetos apresentados nas áreas de automação, internet das coisas (IoT), logística, economia circular e concentração mineral.

Jones Belther, vice-presidente de exploração mineral e tecnologia, comenta que o Mining Lab é uma forma colaborativa de pensar e construir soluções tecnológicas e, assim, ampliar a competitividade frente aos desafios do negócio. "É uma iniciativa que oxigena o ambiente da empresa e abre espaço para o desenvolvimento de novas ideias, dentro do conceito de inteligência coletiva. É uma nova maneira de pensar e de trocar conhecimentos", diz.

Como funciona

A empresa explica que, na primeira fase do programa, serão selecionadas 36 startups que passarão por um período de imersão online. Destas, 24 serão escolhidas para uma capacitação presencial na qual irão desenvolver um business case com as soluções para os desafios.

Ao final desse período, uma banca composta por profissionais da Nexa vai selecionar as 12 propostas finalistas que receberão investimento financeiro, assessoria semanal de profissionais qualificados ao longo de um ano, qualificação em gestão financeira, jurídica e marketing, além de acesso às instalações e às informações técnicas das unidades operacionais da Nexa.

As inscrições estão abertas de 15 de janeiro a 18 de março por meio do site do Mining Lab 2. Serão aceitas startups de Brasil, Estados Unidos, Canadá, Peru e Chile.