Negócios > Pesquisas de Mercado

Microsoft é empresa de TI que mais gera valor aos stakeholders, diz ranking

Top 5 de estudo da DOM Strategy Partners traz também Totvs, SAP, IBM e Stefanini

07 de Fevereiro de 2018 - 11h22

O estudo Mais Valor Produzido (MVP), prduzido pela consultoria brasileira DOM Strategy Partners, classifica a Microsoft pelo segundo ano consecutivo como empresa de TI que mais gera e protege valor aos seus stakeholders.

O ranking avalia a capacidade de uma empresa gerar e proteger para seus diferentes stakeholders, principalmente clientes, acionistas/investidores e funcionários.

Avaliadas de 0 a 10, a lista traz a Microsoft com nota 8,04, seguida por Totvs (7,94), SAP (7,87), IBM (7,85) e Stefanini (7,14).

Metodologia

A metodologia-base para o MVP é a EVM – Enterprise Value Management, exclusiva e proprietária da DOM Strategy Partners. Para chegar ao resultado final, o ranking avaliou mais de 60 critérios, como Eficácia da Estratégia Corporativa, Resultados Gerados, Crescimento Evolutivo, Valor das Marcas, Qualidade de Relacionamento com Clientes, Governança Corporativa e Sustentabilidade.

A DOM ouviu cada integrante do grupo de stakeholders (acionistas, fornecedores, funcionários e clientes) para eles mensurarem de 0 a 10 como as principais empresas de TI entregam e produzem os 62 ativos de valor escolhidos pela DOM. Após esta interação, a avaliação é feita pela equipe de pesquisadores, que consolida as notas recebidas em cada um dos ativos e rankeia as cinco empresas do setor que tiveram a melhor soma de notas.

A ideia do ranking é apontar se de fato as empresas entregam valor tangível e intangível para os clientes, funcionários e acionistas ou se estão apenas no campo teórico das ideias e não no campo prático.

A consultoria defende que MVP é a medida mais confiável acerca da saudabilidade mercadológica-financeira e operacional de qualquer empresa, pois tem como prerrogativa a busca da equação ótima entre curto e longo prazo (principal desafio dos grandes executivos e tomadores de decisão).

Empresa disruptiva

Já a Movile, startup do mercado de marketplaces móveis, foi eleita a companhia que mais gera e protege o valor disruptivo aos seus stakeholders, na categoria "Empresa Disruptiva" - novidade do ranking deste ano.

"Empresas disruptivas são aquelas que mudarão a lógica do segmento em que atuam, trazendo a criação de novos negócios e a identificação de novas demandas que não eram atendidas por mercados tradicionais até então. Essa inovação pode estar relacionada à tecnologia ou ao seu modelo de negócio", explica Daniel Domeneghetti, coordenador do MVP e CEO da DOM Strategy Partners.

Confira abaixo a tabela comparativa da 5ª edição com a 4ª edição do MVP (Mais Valor Produzido) – Tecnologia.