Cloud Computing > Servidores

Microsoft e Amazon ampliam ofertas de infraestrutura de nuvem para SAP HANA

Novos serviços têm objetivo de fornecer aos clientes configurações de múltiplos nós em hardware com grande capacidade de memória para cargas de trabalho

18 de Maio de 2017 - 20h23

Os clientes do software de banco de dados SAP HANA terão à disposição a partir de agora novos serviços de infraestrutura oferecidos pela Microsoft Azure e Amazon Web Services (AWS). As duas empresas anunciaram os serviços com objetivo de fornecer aos clientes configurações de múltiplos nós em hardware com “toneladas” de memória para cargas de trabalho.

Os clientes do Azure terão acesso às máquinas virtuais M-series que oferecem até 3,5 TB de RAM, projetadas para uso com o SAP HANA. Além disso, a Microsoft anunciou esta semana que está trabalhando no novo SAP HANA no Azure Large Instances para oferecer aos usuários entre 4 TB e 20 TB de memória em uma única máquina, especificamente para empresas que usam software como o SAP Business Suite 4 HANA (S/4HANA).

Para os clientes que necessitam de mais memória para executar aplicativos, incluindo SAP Business Warehouse, a Microsoft está planejando um conjunto de instâncias de vários nós que permite ao cliente escalar até 60 TB de RAM. Tudo isso vem junto com um portfólio enorme de outros serviços que a empresa está oferecendo em parceria com a SAP.

A notícia da Microsoft surge um dia depois de a Amazon anunciar que irá oferecer máquinas virtuais com até 4 TB de memória com um servidor x1e.32xlarge que fornece 128 núcleos de CPU virtuais, alimentados por quatro processadores 2,3 GHz Intel Xeon E7 8880 v3. Além disso, a AWS está trabalhando com SAP em servidores com 8 TB e 16 TB de memória. Os clientes podem também ter servidores x1.32xlarge e dimensioná-los para formar um cluster com até 34 TB de memória.

Os novos serviços de infraestrutura dos dois gigantes de nuvem têm como foco empresas que investiram muito em aplicações SAP, já que a infraestrutura necessária para executar essas aplicações também custa um preço premium.

A gigantesca infraestrutura que a Microsoft está oferecendo com mais de 4 TB de RAM está restrita neste momento ao uso por clientes SAP. “A fim de oferecer uma grande quantidade de memória RAM, a empresa tem que fornecer hypervisors aos clientes com servidores físicos que não podem efetivamente ser virtualizados”, diz o vice-presidente corporativo da Microsoft, Jason Zander.

A Microsoft também está trabalhando para tornar o Azure uma opção de implantação do SAP HANA Enterprise Cloud, serviço de banco de dados gerenciado da multinacional alemã.

A SAP e a Microsoft lançaram também um preview da antiga plataforma como um serviço (SaaS) oferecida no Azure, incluindo uma integração com SAP Cloud Platform Identity Authentication Services e Azure Active Directory.

As grandes máquinas virtuais M-series da Microsoft estarão disponíveis nas próximas semanas, primeiro nos Estados Unidos, em seguida, na Europa e outras regiões.

Os servidores SAP HANA Large Instances que suportam 4 TB de RAM estão disponíveis na Austrália e na Europa, mas após o lançamento nos EUA versões com mais memória estarão no mercado no segundo semestre deste ano. O servidor SAP HANA Large Instances será vendido em contratos de um ou três anos, mas a Microsoft não revela os preços.

Já a Amazon não divulgou preços nem a disponibilidade para os novos servidores x1e.32xlarge.