Negócios > Internet das Coisas, Investimentos

Laird investe R$ 20 mi em fábrica de componentes para IoT em São Paulo

Planta em Santo Antônio de Posse (SP) produzirá componentes para indústrias automotivas, telecomunicações, mineração e construção

17 de Fevereiro de 2016 - 15h41

A Laird investiu R$ 20 milhões na instalação de uma fábrica em Santo Antônio de Posse (SP). A planta, em uma área de 3,4 mil metros quadrados, produzirá componentes eletrônicos destinados a aplicações de Internet das Coisas para indústrias automotivas, telecomunicações, mineração e construção. 

David Lockwood, CEO da companhia, afirma que o investimento alinha-se a demanda verificada pela fabricante no mercado brasileiro e observa uma boa oportunidade de expansão na região.

Essa é a primeira unidade fabril da empresa na América do Sul. A planta em solo nacional, que recebeu incentivos produtivos do governo brasileiro, também deve ser responsável pela exportação de alguns produtos para outros países região.

A companhia fabricará, inicialmente, três linhas de produtos no interior de São Paulo: antenas de telecom, sistemas rastreadores e de telemetria, e soluções de conectividade para automação sem fio.

“Esta fábrica permitirá darmos continuidade ao crescimento de nossa presença e trazer nossa engenharia e produção para mais perto de nossos clientes sul-americanos, principalmente para indústrias automotivas e de manufatura”, afirma o CEO.

Atualmente, a companhia emprega 35 trabalhadores em tempo integral na unidade do interior paulista e planeja aumentar ainda mais sua força de trabalho em um futuro próximo. A perspectiva é alocar 200 empregados, em dois turnos, a partir da elevação da demanda produtiva.