Infraestrutura > Wi-Fi

JR Diesel troca rede Wi-Fi e reduz gastos com operação

Centro de desmontagem de caminhões aumentou eficiência das suas operações em 50% já no primeiro mês de utilização das soluções da Open Mesh

10 de Agosto de 2017 - 17h47

A JR Diesel, centro de desmontagem de caminhões da América Latina, contratou as soluções de Wi-Fi da Open Mesh por meio da TI-GO, empresa de valor agregado (VAP) que mantém parceria com fabricantes de thin computing e VDI (virtualização de desktops) e tecnologia wireless. A companhia faturou cerca de R$ 50 milhões no ano passado e conta com cerca de 100 funcionários.

Ocupando uma área de 15 mil metros quadrados em Osasco, na Grande São Paulo, a JR Diesel atua no comércio de peças de reposição usadas para caminhões da linha pesada, com oficina que funciona de acordo com padrões internacionais de qualidade e procedência. Segundo o Jonathan Muniz, gerente de operações da JR Diesel, eles estavam enfrentando muitos problemas de conectividade com sua rede tradicional, pois trabalham com muito metal, o que dificultava muito a qualidade da rede Wi-Fi.

“Usávamos uma tecnologia implantada há cinco anos que apresentava muitos problemas. O mix de prateleiras e peças de caminhões, que chegam a mais de 35 mil itens, sempre impediram o bom funcionamento de diversos equipamentos. Operações de consulta de estoque, por exemplo, tínhamos de fazer por telefone entrando em contato com a central de vendas”, explica Muniz.

A companhia desenvolveu aplicativos para poder acessar seus sistemas de gestão via mobile, mas a ferramenta não funcionava pela pouca qualidade do Wi-Fi. Agora, com os access points da Open-Mesh, a rede Wi-Fi suporta simultaneamente as demandas de comunicação de voz e imagem, dezenas de coletores de dados e telefonia IP.

“A solução Open Mesh é a ideal para nossa operação. Além de serem aparelhos pequenos, a potência e a distribuição de sinal é muito boa, nos permitindo gerenciar e trocar informacões precisas de vendas, por meio dos nossos dispositivos, o que reduziu o tempo gasto na operação em mais de 50%”, afirma Muniz.

Segundo Rodrigo de Carvalho, diretor operacional da Estação ERP, empresa responsável pelo outsourcing da área da TI da JR Diesel, a compannhia possuía uma rede que precisava ser trocada e já estava buscando opções no mercado, mas nenhuma era animadora.

“Testamos um Access Point da Open Mesh por cerca de um mês e os resultados foram surpreendentes, viabilizarando o uso dos aplicativos mobile que desenvolvemos para a JRDiesel. Ficamos surpresos com o desempenho, a interface gráfica na nuvem é excelente, além do suporte e atendimento da TI-GO na instalação também foi de primeira linha”, diz Carvalho.