Tecnologias Emergentes > I.A.

IBM usa AI para prever desempenho de funcionários

Baseado no Watson, sistema usa dados da companhia para projeções lógicas sobre o desempenho individual de colaboradores

10 de Julho de 2018 - 16h25

A IBM está utilizando um inovador sistema para avaliação de desempenho de funcionários. Em vez de simplesmente julgar colaboradores pelo que já fizeram, a empresa utiliza sua plataforma de computação cognitiva Watson para prever o que eles farão.

O sistema, claro, não consegue determinar se um funcionário ganhará na loteria e vai deixar a empresa, mas usa dados da companhia para projeções lógicas sobre o desempenho individual.

A agência de notícias Bloomberg explica que, usando inteligência artificial, o Watson Analytics analisa as experiências e projetos de um funcionário para inferir as habilidades e qualidades em potencial que cada pessoa pode ter para servir a IBM no futuro. O Watson também examina o sistema de treinamento interno da IBM para ver se um funcionário ganhou novas habilidades. Os gerentes levam em conta o rating de avaliação do Watson conforme tomam decisões de bônus, pagamento e promoção.

A IBM conta com 380 mil funcionários em todo o mundo, por isso o sistema deve otimizar o tempo dos gerentes de recursos humanos, além de investimentos, para avaliações de desempenho.

De acordo com um relatório da Bloomberg, a IBM afirma que Watson prevê o desempenho futuro dos funcionários com 96% de precisão.

>Siga a Computerworld Brasil também no Twitter Facebook