Especial - IT LEADERS > IT Leaders 2016

Ensino à distância do Senac RS leva o IT Leader 2016 na vertical Educação

O CIO Alexandre Ramires de Castro levou a área de TI a criar plataforma que atenda todas as condições de infraestrutura do país

17 de Novembro de 2016 - 23h46

A Rede Senac EAD concentra mais de 100 cursos em todo o território nacional, distribuídos entre cursos livres, formação inicial e continuada, técnicos e de ensino superior (graduação, pós-graduação e extensão universitária). A plataforma que a suporta precisou ser modificada para se adequar à infraestrutura disponível no País. E esse trabalho de adaptação foi conduzido pelo CIO da regional do Rio Grande do Sul. 

“Mesmo optando por uma solução com características adequadas para a realidade brasileira, como a possibilidade de uso off line em áreas sem conexão à internet, ainda tivemos que trabalhar com o fornecedor para redução dos pacotes de dados, de 42K para 18k”, comenta o CIO Alexandre Ramires de Castro

A equipe do RS também trabalha em outro projeto nacional: um painel de gestão acessível através de dispositivos móveis, para permitir aos diretores regionais a adoção de medidas preventivas para a evasão. A intenção é disponibilizá-lo para todas as regionais a partir do próximo ano. 

Outro projeto de destaque, por enquanto disponível apenas no Rio Grande do Sul, é o serviço de consultoria à distância com áudio/vídeo. O cliente escolhe o escopo da consultoria e o melhor horário para atendimento, tudo em um ambiente do tipo self service.

FINALISTAS

Hélio Rubens Soares
Universo
Diretor de TI

Projeto de maior destaque: Automação e integração dos serviços de atendimento ao cliente interno e externo, com uso de diversos dispositivos, reduzindo custos operacionais. O CIO destaca também a gestão de indicadores de bolsas de estudo, descontos de mensalidades, com impacto direto no resultado operacional e atendimento às normas aplicáveis à instituição.

Visão de inovação corporativa: Buscar a modernização das atividades através da mobilidade, ferramentas de BI e Analytics.

Marcone Maciel Barros
Faculdade Pernambucana de Saúde – FPS
Gerente de TI

Projeto de maior destaque: Projeto de Acessibilidade Digital. O objetivo é permitir que portadores de deficiência (estudantes, docentes, funcionários técnicos/administrativos e visitantes) tenham acesso à informação através de TI. Para suportar a iniciativa, foi criada uma área no departamento de TI, denominada “Tecnologias Educacionais e Assistivas”.

Visão de inovação corporativa:  A TI tem um grande desafio nesta fase da transformação digital: garantir para as pessoas com deficiência autonomia e igualdade de acesso.