Telecom > Rede, Serviços, Telecom

Brasil fica atrás de Uruguai, Chile e Peru em penetração de 4G

Tecnologia móvel LTE chegou a 8,91% da população da América Latina em 2015

08 de Janeiro de 2016 - 17h55

O Brasil é o quarto mercado latino-americano em penetração de serviços 4G. O país tem uma taxa de 11,65% de penetração, acima da média da região (8,91%), e atrás de Uruguai (48,91%), Chile (17,95%) e Peru (13,15%).

“2015 foi o ano em que a LTE se consolidou como a tecnologia móvel de mais rápido crescimento na história da América Latina”, afirma a 4G Americas, associação que acompanha esse segmento.

No total, 14 países se encontram abaixo da marca da média regional em penetração de linhas. Este grupo considera países cujas implantações comerciais terminaram em 2012, como na Bolívia e no México. Apenas Cuba e El Salvador não possuem redes para oferta de serviços na tecnologia.

“A idade de uma implementação comercial não é necessariamente a melhor maneira de predizer esta amostra para avaliar a extensão da LTE dentro de uma população. Como se observa, algumas implantações recentes foram geradas imediatamente após serem alocados espectros para implantar serviços LTE em um mercado”, observa a associação.