API da semana

Por felipe.dreher
Sobre esse blog:

As APIs são a "cola" da Internet.
Entusiasta por tecnologia e geek convicto, Kleber Bacili é CEO da Sensedia

Home > API da semana

Ok comilança de final de ano, estou tecnicamente preparado para você!

23 de Dezembro de 2013 - 07h13

A “Internet das Coisas” tem nos apresentado produtos conectados sensacionais. Mas nessa época de comilança, como esses produtos podem nos ajudar?

As listas de Natal dos super geeks estão repletas de itens que podem mudar radicalmente o nosso dia a dia. Vou contar como 3 dispositivos conectados entraram no meu dia a dia e, espero, me ajudem a enfrentar a comilança em excesso no final do ano.

Como esse blog não é sobre Consumer Electronics, e sim “APIs”, é importante salientar que todos esses fornecedores disponibilizam portais para desenvolvedores que desejam criar apps capazes de capturar e transformar esses dados (sempre com a autorização do usuário, claro) em informações úteis.

São eles:

1. Fitbit One

2. Withings Scale

3. Polar Bluetooth Heart Rate Monitor

Observação importante: esse é apenas um relato como usuário, eu não tenho qualquer relação com as fabricantes dos produtos!

1. Tentando ser mais ativo - Os medidores de atividades estão super na moda nos EUA. São dispositivos que você carrega no bolso ou no pulso e medem o quão ativo o seu dia a dia está. Informações como a quantidade de passos e até a qualidade do sono estão disponíveis no meu iPhone.

Coloco o Fitbit no bolso e vou. Tenho que admitir que carregar mais um dispositivo no bolso me incomoda e as vezes eu esqueço. Mas percebi algumas mudanças em meu dia a dia. Por exemplo, eu estou estacionando o carro mais longe do escritório da Sensedia e voltei a fazer caminhadas/corridinhas em alguns dias da semana.

PS: O Fitbit é apenas um exemplo. Existem pelo menos umas outras 3 opções.

2. Medindo para não aumentar - Já diz o ditado: “You Can't Manage What You Don't Measure”. A balança da Whithings é uma boa aliada para isso. Configurei o meu perfil – nome, idade e altura – pelo app para iPhone disponibilizado pela Withings e, pelo menos uma vez por semana, subo na balança para ver como está meu peso. Até aí, tudo normal. A diferença é que posso acessar um portal na web ou o próprio app e acompanhar o meu histórico de peso.

Comecei a usar há uns 3 meses e estou gostando. Entretanto, esse será o primeiro período de festas que enfrentarei. Espero que o meu gráfico não entre numa ascendente! A versão que eu comprei não mede o % de gordura e isso é uma pena pois, além do peso, esse é um indicador muito importante a ser controlado.

3. Colocando o coração para trabalhar - O último produto é o Monitor Cardíaco da Polar. Monitores cardíacos já são tradicionais parceiros para os atletas medirem a evolução cardíaca durante exercícios. O que muda aqui é a função bluetooth pois nas minhas caminhadas/corridinhas matinais posso usar o meu iPhone com o aplicativo preferido de exercícios (que ainda não decidi se será o Endomondo ou o RunKeeper) e ter a frequência cardíaca já integrada no app.

Espero poder voltar aqui no final de janeiro e dizer que continuo usando esses dispositivos e que o meu gráfico de peso ficou comportado!

Posts anteriores

Todos os Blogs