Tecnologias Emergentes > APIs

Banco Original cria robô para prestar assistência financeira a clientes

A assistente financeira, que utiliza a plataforma de inteligência artificial Watson da IBM, já está sendo usada por mil clientes do banco em caráter de teste

27 de Novembro de 2017 - 13h46

O Banco Original, primeiro banco de varejo 100% digital do Brasil, acaba de lançar um assistente pessoal e financeiro para interagir com os seus correntistas. Trata-se da Ori, uma plataforma de inteligência artificial desenvolvida para tirar dúvidas dos clientes sobre sua situação bancária ou de suas contas-correntes.

Esta é a mais nova iniciativa do banco no sentido de transformar a relação de seus clientes com as finanças. O primeiro passo foi o lançamento do Open Banking, focado na comunidade de desenvolvedores, que permitiu a integração de diversos aplicativos com os serviços do banco, por meio da abertura de APIs (interfaces de programação de aplicativos). Isso permitiu que os correntistas tivessem acesso às suas informações bancárias fora do ambiente do Original, como por exemplo, nas redes sociais.

Com a Ori, os clientes conversam e interagem com o Banco Original e podem tirar dúvidas sobre sua situação bancária. Por exemplo, perguntando: “Ori, quanto eu gastei com Uber no cartão?”, “Qual é a cotação do bitcoin hoje?”, ou, “Busque juros em minha conta”. Outra possibilidade é fazer tudo isso com comandos de voz, por exemplo falar: “Transferir 10 reais para João”, a transação será efetuada de maneira segura. O robô é programado para responder a várias questões e quanto mais ele for indagado, mais ele vai se aperfeiçoando, explica Henrique Jozala, head de Inovação do Original.

“A Ori é um aplicativo que funciona como um assistente virtual para o cliente se relacionar de forma diferente com o banco. Uma nova forma de interagir, utilizando uma plataforma de voz e chat para acompanhar suas finanças e realizar as operações de forma intuitiva e conversacional.  Ela faz uso do sistema Watson da IBM, que é uma plataforma de inteligência artificial, programada para responder perguntas humanas, a qual aprende a partir destas interações e aprimora a entrega dos produtos e serviços por meio desta aprendizagem constante”, explica Cláudia Woods, diretora de varejo.

A solução está em beta teste e neste primeiro momento, mil clientes selecionados pelo banco já estão interagindo com a Ori. O que o Banco Original deseja é que as pessoas utilizem o recurso para contribuir com a melhoria desta nova solução. A Ori, disponível para clientes e não clientes, pode ser utilizada por meio de convite ou pedindo um acesso pelo próprio aplicativo e aguardar na fila de espera.

“Após as fases de testes, a Ori vai se conectar com as demais tecnologias e estará disponível na plataforma do Banco Original, criando mais possibilidades de novos serviços inovadores”, finaliza Cláudia.