TI na Prática > Smart Cities

AT&T, Ford e Delphi avançam em comunicações sem fio para carros e smart cities

Plataforma Vehicle-To-Anything é essencial para cidades inteligentes e é projetada para evitar colisões entre carros autônomos

05 de Janeiro de 2017 - 14h13

A AT&T estreou uma avançada plataforma de comunicações chamada Vehicle-To-Anything (V2X) ou Veículo-para-Qualquer Coisa, na tradução literal.

A tecnologia V2X é considerada essencial para cidades inteligentes e é projetada para evitar colisões entre ônibus, táxis e carros autônomos ao longo de ruas movimentadas e rodovias. 

Vários fornecedores estão desenvolvendo tecnologias V2X, incluindo montadoras como a Audi, que também está trabalhando com a Qualcomm e outras empresas em um consórcio chamado ConVeX para testar a V2X. 

As comunicações V2X típicas usarão a tecnologia de comunicações de curto alcance dedicada (DSRC) para transmitir dados sem fio, como informações sobre localização do veículo, direção e velocidade, para veículos próximos, bem como para infraestrutura de ruas, como sinais de trânsito e sensores de faixa. 

A AT&T informou que oferecerá um aprimoramento a essa abordagem usando sua rede sem fio LTE de longo alcance para ampliar a gama de comunicações DSRC. 

A parceria da AT&T com a Delphi e a Ford "proporcionará uma tecnologia V2X mais segura, econômica e eficiente", disse Chris Penrose, presidente da AT&T para Internet das Coisas, em um comunicado. 

A plataforma está sendo exibida na CES 2017 nesta semana em Las Vegas. Como resultado da parceria, a Delphi construiu um módulo V2X no veículo, enquanto a AT&T desenvolveu software para análise e fornecerá conectividade sem fio. Já a Ford desenvolveu integração in-car

Mike Zeto, gerente geral da unidade Smart Cities da AT&T, disse em entrevista que a plataforma V2X da AT&T será "instrumental para ajudar as cidades a gerenciarem o tráfego de forma mais eficiente e segura. Qualquer prefeito com quem você conversa põe o tráfego e o transporte em duas ou três iniciativas inteligentes". 

A V2X e a tecnologia relacionada Veículo-Para-Infraestrutura (V2I) serão usadas em um teste na cidade inteligente em Atlanta ao longo do corredor da North Avenue, uma distância de cerca de três quilômetros, disse Zeto. 

O corredor fornecerá uma pista de veículo autônoma que passa por Georgia Tech, um distrito comercial e de residências. O condado de Miami-Dade também testará o uso da plataforma V2X para conectar dados de veículos e câmeras de monitoramento localizadas em algumas intersecções de quatro vias para fornecer fluxo de trânsito e informações de tempo, disse o executivo.