Tecnologias Emergentes > Blockchain

Ainda vale a pena investir em bitcoin?

Após chegar aos US$ 20 mil há alguns meses, criptomoeda despencou no início de 2018

06 de Fevereiro de 2018 - 16h14

O preço do bitcoin vem sofrendo desde o início de 2018, e com o Lloyds Bank impedindo seus usuários de cartões de crédito de comprar a criptmoeda e o governo da China apertando as regras em torno de criptomoedas em geral, não é uma grande surpresa que o mercado esteja encolhendo.

A criptomoeda sempre foi uma jornada um tanto turbulenta para os investidores, e com o fato de que o mercado e a tecnologia em que é baseada ainda estão nos seus estágios iniciais, essa pode ser uma área intimidadora para entrar.

Eu ainda posso ficar rico com bitcoin?

Apesar de eu certamente não ser um conselheiro financeiro e certamente não dar nenhum conselho sobre investimentos, o que posso oferecer são algumas informações.

Após uma tendência de alta muito forte no final de 2017, o mercado de criptomoedas de forma geral agora está passando por uma grande correção neste ano.

Esse pode ser o fim da chamada "bolha das criptomoedas", uma vez que parece estar havendo algum tipo de reconciliação entre o valor intrínseco da moeda e o valor de mercado.

A regra de ouro do mercado, “compre na baixa, venda na alta”, parece simples o suficiente para entender e também caminha lado a lado com a famosa frase de Warren Buffett: “Simplesmente tentamos ser temerosos quando os outros são gananciosos e gananciosos quando os outros são temerosos”.

Como o bitcoin interrompeu sua escalada que já durava meses e está mais barato (relativamente) do que estava há muito tempo, as pessoas certamente estão temerosas no mundo. Isso teoricamente torna esse um ótimo momento para comprar a moeda, desde que você consiga responder às duas perguntas seguintes.

Você acha que o preço vai continuar caindo? E você acha que o preço vai voltar a subir?

Se você tem 100% de certeza sobre as respostas para essas perguntas, então você é um viajante no tempo ou um mago. Qualquer que seja o caso, me escreva para marcarmos uma entrevista.

Prós do bitcoin

Pelo fato de ser a criptomoeda mais famosa do momento, o bitcoin tem a vantagem de ser conhecida de um público mais amplo, uma das principais razões por ter atingido o seu status atual, aliás. Muitas pessoas já ouviram falar sobre o Bitcoin, enquanto que provavelmente não conhecem a Ethereum ou a Ripple – e como em qualquer outro mercado, a exposição é chave.

Vale notar, inclusive, que a Ethereum já é vista como a maior rival do bitcoin e como aquela que estaria destinada a tomar o trono das criptomoedas.

Por ser a “velha guarda” das criptomoedas, e com um coin cap (limite de existência de moedas) relativamente baixo, de 21 milhões, é provável que o Bitcoin mantenha seu valor à medida que fique mais e mais difícil minerar a moeda, e ela sempre será usado para armazenar riquezas.

Contras do bitcoin

Em comparação com criptomoedas mais novas que estão saindo agora, a tecnologia do Bitcoin está começando a ficar um pouco datada.

O bitcoin possui problemas para escalar. À medida que mais e mais pessoas usam o seu blockchain, ficará mais caro e mais lento para completar uma transação na rede. Já a Ethereum possui muito mais transações diárias, por exemplo, uma vez que a sua rede é muito mais rápida e barata.

O uso do bitcoin também é centrado em ser apenas uma moeda alternativa, enquanto que outros projetos possuem um objetivo diretamente mais prático, seja resolver um problema em um setor específico ou ser uma plataforma para outras iniciativas de blockchain.

Você deve comprar o bitcoin agora?

As especulações atuais sugerem que o bitcoin ainda tem espaço para um pouco mais de queda, talvez ficando entre os 4 mil e 5 mil dólares. O mercado estava precisando de uma correção e essa tendência atual de queda ainda deve continuar por mais um tempo. Por isso, pessoalmente penso que ainda não chegamos ao ponto mais baixo em termos de valores.

E o valor do bitcoin vai se recuperar e voltar ao seu ápice de quase 20 mil dólares? Essa é uma pergunta muito mais difícil de ser respondida, mas considerando que as criptomoedas ainda não estão nem perto de serem adotadas de forma ampla pelas massas (e serão algum dia?), penso que é razoável presumir que o mercado em geral ainda não alcançou todo o seu potencial.

No entanto, isso significa pressupor que o bitcoin vai continuar sendo adotado por mais e mais pessoas e não será superado por nenhuma outra solução. Existem muitas criptomoedas por aí tentando fazer o que o Bitcoin faz - e algumas já estariam até fazendo melhor, como Litecoin, Ripple e Nano.

Como com qualquer outra coisa, é importante fazer as suas próprias pesquisas para tirar as suas conclusões. Acima de tudo, vale sempre destacar: nunca invista algo que você não está disposto a perder.