Negócios > e-commerce, Fusões e Aquisições

Adobe aposta em e-commerce com aquisição de US$ 1,6 bi

Empresa fechou maior compra da última década, com aquisição da Magento Commerce, que até então pertence a empresa de private equity Permira

23 de Maio de 2018 - 09h19

A Adobe anunciou o maior negócio da companhia em quase uma década. A empresa de software, conhecida pelos programas Photoshop e InDesign, informou que comprará por US$ 1,68 bilhão a provedora de serviços de comércio eletrônico Magento Commerce, que até então pertence a empresa de private equity Permira. 

Segundo informações da Reuters, o anúncio já repercutiu nas ações da Adobe, que subiram cerca de 1% no pregão depois do fechamento. A notícia recente de que a companhia vai recomprar até US$ 8 bilhões em ações até o ano fiscal de 2021 também influenciou na valorização. 

A aquisição por parte da Adobe é a última aposta da companhia para concorrer na indústria de comércio digital com a Salesforce e a Oracle e reforçar sua posição no mercado de computação em nuvem. Isso porque a Magento, apesar de não ser um nome muito conhecido do consumidor final, é responsável por dar suporte a um volume de negociação que supera os US$ 155 bilhões. Inovação: Adobe adquire startup que desenvolve interfaces de voz alimentadas com IA  

A empresa, baseada na Califórnia, oferece software para construir e rodar lojas virtuais, lidar com compras online e envio das mesmas. Também ajuda as marcas a venderem produtos através de anúncios em redes sociais e compete com a Shopify. Entre seus clientes estão a Canon e a Rosetta Stone. A empresa chegou a pertencer a eBay e foi comprada pela Permira em 2015. 

A transação deve ser concluída durante o terceiro trimestre do ano fiscal de 2018 da Adobe.